Químicos Ter como objetivo produtos químicos seguros e descarte zero de produtos químicos perigosos

Os produtos químicos estão por toda a parte em nossa vida diária. Eles são utilizados por uma variedade de setores para fazer desde plásticos a cosméticos, edifícios e veículos, bem como nossas roupas. O setor químico é responsável por produzir mais de 90.000 produtos químicos sintéticos [FONTE: Bionners: Podcast de Good Chemistry]. Não é de surpreender que eles também estejam presentes na fabricação e lavagem de roupas - desde ajudar no cultivo de matérias-primas como algodão até processos como tingimento ou os produtos que nossos clientes utilizam para lavar suas roupas. Existem muitas oportunidades para possibilitar que os produtos químicos que utilizamos sejam seguros e tenham menos impacto no meio ambiente.

newborn collection

 

Sabemos que os processos de fabricação de roupa são responsáveis pela maior parte dos produtos químicos que utilizamos em nossa cadeia de valor. Nossos fornecedores utilizam milhares de diferentes tipos de produtos químicos para tingir, lavar, imprimir e tratar tecidos com a finalidade de conferir a eles resistência a fogo, odor, mancha, água ou vincos. Por esse motivo, esse é o ponto para o que devemos voltar nossa atenção.

Embora diversos desses produtos químicos não tenham nenhum impacto imediato sobre a saúde ou meio ambiente, nem todos eles são inofensivos ou livres de risco. Por exemplo, o Banco Mundial estima que até 20% da poluição da água da indústria como um todo são causados por tingimento e tratamento têxtil [FONTE: artigo da Natural Science]

Na C&A, queremos ter a certeza de que todos os produtos que fabricamos e vendemos não prejudiquem as pessoas e o planeta. É por isso que estamos comprometidos com uma rede de fornecimento que tenha como ambição o descarte zero de produtos químicos perigosos. A cada ano, demonstramos nosso compromisso público com as comunidades onde nossas roupas são produzidas – e com o Greenpeace – reportando em detalhes nosso progresso neste relatório. Com uma explicação completa de nossa abordagem à gestão de produtos químicos e do progresso que fazemos, também apresentamos os desafios que enfrentamos. Os dados de desempenho anual estão disponíveis nas auditorias de produtos químicos e de teste periódico de água residual que realizamos como parte de nosso programa de Gestão de Substâncias Químicas Sustentáveis (SCM).

Leia nosso compromisso público com a ZDHC

Nossa Abordagem

Tendo em vista que a maioria dos produtos químicos encontrados em nossa cadeia de valor é utilizada durante os processos de produção (particularmente nas unidades de processos molhados), é lá que focamos nosso trabalho de gestão de produtos químicos. Na prática, isso significa ajudar nossos parceiros de negócios a melhorar a forma como lidam com produtos químicos em suas próprias unidades de produção e nas redes de fornecimento.

Treinamos nossos fornecedores para entender porque a gestão de produtos químicos é importante e o que ela envolve, e para desenvolver a infraestrutura que eles precisarão para reduzir esse impacto. Essa capacitação abrange muitas áreas distintas, mas inclui treinamento sobre quais produtos químicos utilizar, como selecionar as melhores alternativas e como administrar de forma segura produtos químicos em suas operações.

Especificamos alternativas seguras em nossos projetos e aplicamos essas opções durante nosso processo de pedido. Começamos a fazer isso com o desenvolvimento e a produção de produtos que cumpram as exigências de nossa Lista de Substâncias Restritas (RSL) /Lista de Substâncias Restritas na Produção (MRSL), evitando, dessa forma, a utilização de produtos químicos restritos na etapa de desenvolvimento. As nossas camisetas com certificação Cradle-to-CradleTM nível GOLD são totalmente compostáveis em compostagem doméstica no prazo de 11 semanas. Isso só é possível porque elas são feitas com 100% de algodão mais sustentável e produtos químicos em menor quantidade e mais seguros no processo de produção. Esse é o primeiro exemplo claro de como um produto pode ser totalmente produzido sem produtos químicos perigosos e sem descarte de água residual no meio ambiente.

Leia mais sobre produtos da moda circular

Além disso, precisamos trabalhar com fabricantes de produtos químicos para incentivá-los a criar alternativas mais seguras. Ao abordar esse problema em colaboração com outras marcas, bem como analisando a questão pela perspectiva dos fornecedores e das instalações, podemos gerar uma mudança sistêmica no setor de vestuário. Somente com trabalho conjunto podemos eliminar químicos prejudiciais de nossos produtos e do meio ambiente – para sempre.

Trabalhando em conjunto para o descarte zero de produtos químicos perigosos

A C&A é um membro fundador da ZDHC, uma coligação de 23 marcas e varejistas globais com compromisso comum de zerar o descarte de produtos químicos perigosos em suas redes de fornecimento. A ZDHC Foundation supervisiona a implementação do programa ZDHC. Para a C&A, a implementação do programa envolve trabalho nas seguintes áreas:

  • Desenvolver e atualizar a Lista de Substâncias Restritas na Produção (MRSL) e acompanhar a orientação referente à conformidade.
  • Identificar alternativas seguras para produtos químicos que forem incluídos na MRSL.
  • Desenvolver um protocolo robusto de auditoria de produtos químicos e reportar o respectivo progresso.
  • Monitorar a qualidade da água residual proveniente das unidades de produção e reportar publicamente os resultados.
  • Trabalhar pela total transparência do descarte de produtos químicos em nossa rede de fornecimento.
  • Empoderar nossos fornecedores, por meio de capacitação e treinamento, para que abracem a meta de zerar o descarte de produtos químicos perigosos. 

 

Ao utilizar nossa escala e porte globais para entregar resultados nessas seis áreas, nossa empresa está indo além da conformidade. Estamos, em última análise, procurando normalizar as boas práticas nas fábricas da C&A e no resto do setor.

Nosso Programa de Gestão de Substâncias Químicas Sustentáveis (SCM)

Nosso time de Gestão de Substâncias Químicas Sustentáveis é responsável por implementar o programa de Gestão de Substâncias Químicas Sustentáveis (SCM) na C&A. O programa teve início em 2012 quando tornamos o nosso compromisso público. Começando na Ásia, esse programa agora inclui China, Bangladesh, Paquistão, Índia, Camboja, Taiwan, Tailândia, México e Brasil.

 

Abordagem à Gestão de Substâncias Químicas Sustentáveis

Como definimos os níveis de nossa rede de fornecimento

Nível 1 – Unidades de corte e costura
Nível 2 – Estamparia, lavanderia e bordado
Nível 3 – Tecelagens, fiação e unidades de tingimento

Os seis elementos de nosso programa SCM

Em linha com nosso plano de ação para a gestão de produtos químicos, o programa SCM, anteriormente envolvido apenas com planejamento e desenvolvimento, agora abrange também a implementação nas seguintes áreas:

1. Triagem de produtos químicos

Ao identificar produtos químicos de forma proativa antes da utilização, podemos eliminá-los com mais facilidade. Isso envolve fazer da identificação de produtos químicos uma exigência padrão para as unidades de produção, um processo baseado na Lista de Substâncias Químicas na Produção (MRSL). Essa lista é desenvolvida e aperfeiçoada continuamente pelos membros da ZDHC e a versão mais recente será publicada em 2017. Ela orienta fornecedores a evitar produtos químicos perigosos e a encontrar alternativas mais seguras.


2. Auditoria de Produtos Químicos 

A nossa auditoria de SCM fornece uma avaliação robusta do desempenho da gestão de produtos químicos no nível da unidade de produção. Com insights sobre os atuais problemas e desafios dos fornecedores, a nossa equipe de SCM desenvolve soluções mais eficazes. Reportamos os resultados de nossa auditoria para atender os compromissos de transparência que assumimos com a ZDHC.

Quase todas as regiões estão dentro do prazo. Enfrentamos desafios no México, onde a infraestrutura local e as competências técnicas são deficientes. A C&A é uma das únicas marcas internacionais a implementar uma abordagem de SCM no México. Estamos trabalhando com terceiros para reforçar o nível de auditoria, competência técnica e recursos laboratoriais para teste de águas residuais para conseguirmos cumprir o prazo até o final de 2017.

Leia nossa análise completa dos resultados da auditoria para promover mudanças aqui.

3. Teste de água residual

Testamos periodicamente água residual das unidades de produção dos fornecedores, pois esta é uma boa maneira de validar o desempenho deles em relação à MRSL da ZDHC. Novamente, reportamos os resultados como parte de nossos compromissos de transparência com a ZDHC.

Os nossos resultados iniciais demonstram, em diversos casos, que a água residual que sai da fábrica é “mais limpa” do que a água que chega pelo serviço público de abastecimento de água. Entretanto, ainda estamos preocupados com os altos níveis de metais pesados e ftalatos encontrados nas amostras da água recebida. Produtos químicos perfluorados (PFCs) também foram detectados em 11 amostras de água residual não tratada, sendo que mais da metade se deve à contaminação da água municipal recebida. Ftalatos, Solventes Halogenados, Colorantes Azo, AP e APEOS representam os maiores desafios em nossa rede de fornecimento.

Leia nosso relatório resumido de descarte aqui.

4. Capacitação

Continuamos a desenvolver conhecimento e infraestrutura para gestão mais segura de produtos químicos em toda a nossa rede de fornecimento. Nosso programa de treinamento apoia nossos fornecedores em suas jornadas para atender as normas da ZDHC e oferece orientação sobre os processos contínuos de auditoria. Quando um fornecedor não cumpre as nossas normas, nós os auxiliamos a criar e implementar Planos de Ação Corretiva.

“O Treinamento em Gestão de Produtos Químicos foi muito informativo, pois nos ofereceu conhecimento profundo para a implementação prática do sistema. Compreensão de planilhas de dados de segurança, comunicação com o fornecedor, triagem de produto, gestão de estoque, segurança química... etc, foram assuntos muito bem discutido e entendido, e isso irá agregar valor ao nosso sistema e fornecer melhorias contínuas. Temos certeza de que esse treinamento assegurará maior conformidade em termos de sistemas de gestão de produtos químicos, ambiente de trabalho seguro, negócios sustentáveis, etc. Estamos felizes em fazer parte de sua rede de fornecimento."

M. Mohan, Gerente Geral de Operações, Anugraha Fashions Pvt. Ltd.
em nome dos participantes Devraj e Muthuraman

5. Sistemas de Gestão de Dados

Dados precisos, validados e bem administrados são fundamentais para administrar o progresso. A C&A atualmente trabalha para desenvolver e implementar diversos sistemas de gestão de dados, incluindo nossa plataforma de divulgação de água residual, Higg 3.0 FEM, e Chemical Gateway da ZDHC. Esses sistemas de gestão de dados operarão em conjunto e ajudarão fornecedores a tomar melhores decisões, além de permitir um monitoramento mais eficaz de seus progressos.

6. Colaboração

A colaboração é essencial para assegurar que o nosso setor reduza a sua utilização de produtos químicos perigosos. Na C&A, nossas práticas colaborativas incluem implementação ativa de nosso programa ZDHC, bem como nosso trabalho com outras marcas e organizações terceiras, a fim de padronizar e convergir auditorias e avaliações de gestão de produtos químicos e dos problemas ambientais mais amplos encontrados em nosso setor.

Foco na triagem de produtos químicos

A triagem de produtos químicos é o maior componente geral de nosso programa SCM. A plataforma avalia e classifica produtos químicos e substâncias químicas para identificar os melhores produtos químicos ou as melhores alternativas.

Leia sobre a política de produtos químicos da C&A

Leia mais sobre segurança e qualidade dos produtos

A transparência leva ao progresso

Divulgamos os resultados de nossas auditorias e relatórios – particularmente de água residual - aqui, neste relatório, e na plataforma do Institute of Public and Environmental Affairs (IPE) como parte de nosso compromisso com os programas DETOX e "Public Right to Know" do Greenpeace. A equipe de SCM conduz periodicamente auditorias de observação sem aviso prévio, a fim de garantir a qualidade e a consistência de nossas descobertas.

Leia mais em E agora

Consulte a divulgação pública de nossa lista de fornecedores

newborn collection

 

Nosso desempenho em 2016

Alinhar a avaliação em todo o nosso setor

A utilização de uma ferramenta única e consistente em todo o setor para avaliar o desempenho ambiental e de produtos químicos de fornecedores aumentará o ritmo das mudanças em nosso setor. Em 2016, apoiamos ativamente a convergência da ferramenta de Auditoria de Gestão de Produtos Químicos da ZHDC e do Higg Index da Sustainable Apparel Coalition para criar a ferramenta Higg Index 3.0 Facility Environment Module, a ser lançada no final de 2017. Este é um importante passo para tornar a gestão de produtos químicos mais acessível a mais fornecedores, reduzindo custos em toda a rede de fornecimento e melhorando o impacto de nosso trabalho.

Colaboramos com a Chinese National Textile and Apparel Council (CNTAC) e com associações têxteis da Alemanha e Holanda com a finalidade de aumentar a conscientização sobre produtos químicos utilizados em nossa rede de fornecimento. Em março de 2017, o programa de Gestão de Substâncias Químicas Sustentáveis constituiu uma parte essencial de nossa Conferência Global de Fornecedores, na preparação para acelerar nossos esforços com o objetivo de ampliar rapidamente o programa nos próximos dois anos.

Resultados promissores da parceria com a ZDHC

Como parte de nossa parceria com a ZDHC Foundation, apoiamos o desenvolvimento de alternativas novas e mais seguras em relação a produtos químicos perigosos e ajudamos a aumentar o escopo da MRSL para incluir couro. Implementamos uma norma de água residual e, conforme acima descrito, ajudamos a alinhar membros por trás da ferramenta potencialmente transformadora Higg 3.0 Index.

Detox Catwalk do Greenpeace

No relatório Detox Catwalk 2016 Greenpeance, a C&A ficou em quarto lugar e foi elogiada pelo seu trabalho de transparência e divulgação. Além disso, soubemos onde precisamos melhorar nosso desempenho avançando na nossa metodologia de triagem de produtos químicos perigosos – que planejamos explorar mais por meio de nosso foco em Produtos Químicos Rastreados em 2017.

Desafios

Os desafios que enfrentamos com relação ao cumprimento de nosso compromisso de zerar o descarte de produtos químicos perigosos são essencialmente provenientes da falta de entendimento sobre gestão de produtos químicos em todo o setor. A fim de incorporar totalmente esse compromisso em nossas práticas de negócio como comportamento normal, precisamos trabalhar com diversas partes do sistema imediatamente para promover uma mudança. Precisamos trabalhar também em parceria com iniciativas de diversos stakeholders como SAC e ZDHC para implementar abordagens acordadas com o setor sem nuances ou modificações internas.

Desenvolvimento de auditoria de terceiros

Apesar de algum bom progresso estar ocorrendo – particularmente, com relação ao módulo Higg 3.0 Index – os recursos de terceiros com relação à auditoria de produtos químicos e teste de água residual ainda são incipientes. Os altos custos e a falta de recursos e colaboração estão atualmente retardando o tipo de evolução que precisamos para cumprir nossas metas como setor.

Falta de habilidades e conhecimento

Depois dos resultados de nossas avaliações e auditorias contínuas, temos maior percepção do nível de capacitação em gestão de produtos químicos necessário em nossa rede de fornecimento. A maioria das fábricas, lavanderias e estamparias com quem trabalhamos tem somente um entendimento básico dos problemas relativos a produtos químicos, e a falta de habilidades e informações faz com que sejam necessárias mudanças em seus sistemas. Nosso foco em desenvolvimento de treinamento e infraestrutura destina-se a superar esse desafio.

Intensificar pesquisa e desenvolvimento

O compromisso com a ZDHC nos obriga a erradicar totalmente a utilização de produtos químicos em toda a nossa rede de fornecimento, em vez de apenas eliminar seu descarte. Isso significa que precisamos de novas fórmulas de produtos químicos para tingimento, acabamento, estamparia e lavagem, muitas das quais ainda não estão disponíveis, e nem mesmo estão sendo produzidas em escala. Uma forma de superar esse desafio é a colaboração para apoiar esforços de pesquisa e desenvolvimento de diversos fornecedores e formuladores de produtos químicos no mundo.

Convergência é essencial

Cumprir o compromisso da ZDHC significa ir além de quaisquer exigências legais em vigor. Apesar de 23 marcas e varejistas terem assinado o acordo da ZDHC, temos um longo caminho pela frente para que as medidas que tomamos comecem a surtir efeito e entregar resultados claros em linha com o compromisso integral. Achamos que a melhor abordagem é a convergência e acreditamos que os problemas que a ZDHC está abordando devem fazer parte desse esforço, e que as marcas devem evitar a criação de programas personalizados ou alternativos para que a mudança que todos nós queremos para o setor se concretize.

Por que a colaboração é necessária para a mudança do sistema na gestão de produtos químicos

A colaboração é a melhor maneira de mudar a forma como administramos a utilização de produtos químicos em nosso setor e em suas redes de fornecimento. Com diversos parceiros trabalhando em conjunto, podemos aumentar o impacto dessa ação. Por exemplo, as marcas precisam colaborar com produtores de produtos químicos no desenvolvimento de alternativas seguras a produtos químicos perigosos para que possamos aumentar o nível de progresso na solução desse importante desafio.

Outra vantagem da colaboração em problemas relacionados a produtos químicos é promover a melhoria e a adoção de novas normas e práticas. Se diversas marcas utilizarem o mesmo conjunto de ferramentas (em oposição a diferentes ferramentas), elas reduzirão o ônus sobre fornecedores e aumentarão a precisão e a eficácia da avaliação e das melhorias que podem ser feitas.

newborn collection

 

Com quem estamos trabalhando

Próximos passos

Rápido escalonamento para atender os compromissos da ZDHC

Como parte de nosso compromisso com a ZDHC, em 2017 continuaremos a implementar nosso programa de Gestão de Substâncias Químicas Sustentáveis (SCM) em todas as fiações e tecelagens selecionadas. Aumentaremos o número de unidades de produção que se submeterão a auditorias de produtos químicos de 111 em 2016 para mais de 400 em 2018, trabalhando para atingir a nossa meta de auditar 80-90% das nossas tecelagens e fábricas verticais selecionadas, e outros – incluindo lavanderias, estamparias e as próprias fontes dos fornecedores. Com uma rede de fornecimento tão complicada, no momento temos visibilidade limitada de todas as fontes dos fornecedores. Pretendemos abordar essa questão de auditoria em 2017 identificando e trabalhando com fornecedores para consolidar suas fontes com o objetivo de incluí-las em nosso escopo em 2019. A divulgação é a primeira etapa; para cumprir o compromisso da ZDHC, a nossa gestão de produtos químicos deve atingir todas as unidades de produção com instalações de processamento molhado.

Apoiar a convergência no setor como um todo

Vamos testar o novo Higg 3.0 Facility Environment Module 0 em 2017 para determinar a sua eficácia e escalabilidade. Esperamos lançar a ferramenta de avaliação Higg 3.0 Index em substituição ao nosso sistema de auditoria SCM e outros sistemas relacionados em 2018. Compartilharemos nossos resultados no próximo ano para apoiar o desenvolvimento e a adoção de uma norma para todo o setor.

Transparência contínua com relação aos resultados do teste de água residual

Continuaremos a divulgar os resultados de nossos testes de água residual na plataforma Institute of Public and Environmental Affairs (IPE) e nos comprometemos a testar e auditar nossas lavanderias, com o objetivo de chegar a 70-80% de lavanderias selecionadas até o final de 2017. Em 2018, planejamos lançar a Plataforma de Divulgação de Água Residual para capacitar os fornecedores para que eles melhorem o seu desempenho e aumentem a transparência na rede de fornecimento. Essa plataforma será lançada com a Orientação sobre Água Residual da ZDHC que estabelece uma metodologia de teste padronizada.

Reforçar capacidade, orientação e supervisão

Continuaremos a capacitação sobre a gestão de produtos químicos em toda a rede de fornecimento. Assim que tivermos testado com sucesso o nosso programa de treinamento em SCM na Índia, vamos aumentar e implementar esse treinamento em outros países. Nossa equipe de SCM acompanhará, mensalmente, por e-mail/telefone e conduzirá visitas no local, duas vezes por ano, para auxiliar na análise das causas-raiz, bem como para fornecer qualquer orientação ou supervisão que possa ser necessária em casos de correção, feita pelo processo de gestão do Plano de Ação Corretiva (CAP). Toda unidade de produção no programa SCM possui um CAP individual cujo objetivo é obter uma gestão de produtos químicos maior e mais eficiente. O Time de Auditoria de SCM trabalha com fornecedores, por meio de especialistas técnicos, que fornecem suporte no local, em cada um de nossos importantes países de abastecimento.

Identificação de produtos químicos alternativos e mais seguros

Ajudaremos a lançar o ZDHC Chemical Gateway – o primeiro banco de dados do mundo de práticas de química e de produtos químicos mais seguros para auxiliar marcas, fornecedores e fabricantes de produtos químicos a tomar decisões de abastecimento mais fundamentadas e mais sustentáveis.

Desenvolver produtos que permitam zerar o descarte de produtos químicos perigosos

A nossa visão é que o setor global de vestuário se torne um sistema circular, onde as roupas sejam concebidas considerando seu próximo ciclo de vida. A nossa recém-lançada camiseta com certificação Cradle-to-Cradle TM nível GOLD desempenha um papel fundamental na certificação de produtos químicos seguros. A camiseta foi desenvolvida e produzida com menos seguros produtos químicos e produtos químicos mais seguros e complementa a nossa abordagem geral para melhorar a gestão de substâncias químicas, demonstrando que o descarte zero de produtos químicos perigosos é possível.

Leia mais sobre nossa camiseta de moda circular

C&A logo

You have arrived at the English language version of this site.