Igualdade e diversidade  Apoiando o nosso maior bem

Temos o compromisso de certificar que as nossas políticas e os nossos ambientes de trabalho permitam que os nossos funcionários contribuam com o seu melhor, alcançando o seu potencial e atendendo às necessidades dos clientes. Cada uma de nossas regiões tem a flexibilidade de abordar a diversidade da forma que ela seja relevante localmente. Por exemplo, a C&A Brasil mantém um Comitê da Diversidade, que vem trabalhando na diversidade de origem étnica, gênero e LGBTQ+. Em 2018, a C&A Brasil continuou aumentando a conscientização por meio de ações como a Semana da Diversidade; a Collection Pride; palestras e ações para o Dia Internacional da Mulher; e uma variedade de feiras de recrutamento dedicadas a minorias, pessoas transexuais e imigrantes. Em reconhecimento ao nosso trabalho de diversidade, o CEO da C&A Brasil foi convidado a compartilhar nossas práticas na Plataforma Liderança Sustentável, um prestigiado evento de sustentabilidade. No futuro, continuaremos a encontrar maneiras de apoiar nossos funcionários em um ambiente de trabalho diversificado e inclusivo e envolvê-los como embaixadores da marca C&A.

Compromisso com os Princípios de Empoderamento das Mulheres

No Dia Internacional da Mulher, em março de 2018, anunciamos que a C&A aderiu aos Princípios de Empoderamento das Mulheres da Organização das Nações Unidas, um compromisso da empresa com a igualdade de gênero e o empoderamento das mulheres. As mulheres são a força por trás do setor de vestuário e da nossa marca, e a igualdade de gênero é um princípio importante na cultura da C&A.

Comunicamos sobre nosso compromisso com os Princípios de Empoderamento das Mulheres internamente por meio de uma variedade de mídias, incluindo comunicados, vídeos e eventos ao vivo nas lojas. Desde então, nossas regiões desenvolveram planos de ação para implementar os princípios.

Desde o anúncio, a sede da C&A e as nossas quatro regiões desenvolveram planos de ação específicos para cada mercado para impulsionar o progresso na implementação dos princípios. Esse trabalho baseia-se na ferramenta de análise de gaps em princípios desenvolvida pelas Nações Unidas e pela BSR e visa abordar um conjunto de 12 questões desenvolvidas pela C&A para cada princípio.

Funcionários da C&A por gênero e tipo de contrato

Contrato permanente Contrato de prazo determinado Permanente melo periodo Permanente tempo integral Homens Mulheres Tipo de contrato Número de Funcionários por Gênero 9.123 31.011 1.566 8.899 7.830 17.124 1.293 13.886

Funcionários da C&A por tipo de contrato e localização

Tipo de Contrato

Nosso compromisso com os Princípios de Empoderamento das Mulheres está alinhado à nossa atividade em parceria com a C&A Foundation, que trabalha para alcançar a igualdade de gênero no setor de vestuário. A C&A e a C&A Foundation acreditam firmemente que para transformar fundamentalmente a moda em uma força do bem, a desigualdade de gênero e a violência contra a mulher são questões que precisam ser resolvidas. Em todos os programas filantrópicos, a C&A Foundation trabalha com parceiros para promover a voz das mulheres, suas habilidades de liderança e a capacidade de exercer seus direitos.  Em outubro de 2018, a fundação também divulgou uma declaração de sua ambição de incorporar equidade, inclusão e diversidade em suas parcerias e em seu próprio modelo operacional.

Apoiando o trabalho justo e transparente

A C&A está comprometida com a igualdade de oportunidades para todos os funcionários, independentemente de idade, gênero, origem étnica, religião, ideologia, orientação sexual ou deficiência. Apoiamos o trabalho justo e transparente com os nossos funcionários e fornecedores e com a nossa ferramenta Fairness Channel, por meio da qual identificamos e tratamos quaisquer problemas que possam surgir internamente ou com fornecedores.

Em 2018, o Fairness Channel da C&A investigou 83 casos. Melhoramos continuamente nosso treinamento, educação e abordagem para o Fairness Channel, o que resultou em uma maior conscientização sobre a ferramenta e um aumento no número de relatos durante o ano fiscal de 2018. Ainda durante o ano, a C&A México expandiu o Fairness Channel para seus fornecedores, proporcionando-lhes um meio para compartilhar suas opiniões.

As nossas lojas mostram claramente os nomes dos contatos da C&A para a comunicação de preocupações ou perguntas. Lidamos com qualquer preocupação rapidamente e nos esforçamos para encontrar as melhores soluções para todas as partes. Obviamente, também cumprimos fielmente as leis de combate à discriminação nos países nos quais operamos e encorajamos a diversidade em todos os nossos departamentos. Todos os cargos, promoções e recompensas são concedidos puramente com base no mérito. Se qualquer problema envolvendo possível discriminação for relatado, a diretoria tomará as medidas apropriadas para investigá-lo e resolvê-lo.

Nosso compromisso com a transparência e nossas práticas transparentes foram revisados e classificados como número 4 no Índice de Transparência da Moda 2019 da Fashion Revolution. Essa análise de 200 marcas e varejistas de moda globais classifica as empresas de acordo com seu nível de divulgação sobre suas políticas, práticas e impactos socioambientais. Notavelmente, também ficamos com a melhor pontuação no Índice de Transparência da Moda do Brasil em 2018, que analisou 20 marcas.

 

Respeito pelos outros

Fazer negócios de maneira ética tem sido fundamental para a nossa empresa desde a sua fundação há mais de 178 anos. Em linha com os nossos valores, o respeito pelos outros, a paixão por servir os nossos clientes e a valorização da confiança e da responsabilidade estão profundamente enraizados na nossa atitude. Hoje, manter os nossos altos padrões éticos é uma forma importante de atender às expectativas dos nossos clientes – e às nossas. O nosso Código de Ética de Funcionários global descreve como os funcionários devem se comportar, como deve ser um bom ambiente de trabalho e o que é uma boa liderança.

Respeito pelos direitos humanos

A C&A respeita os direitos humanos de todos com quem trabalhamos. O nosso Código de Conduta para o Fornecimento de Mercadorias e Código de Ética de Funcionários são orientados pelas melhores práticas existentes sobre direitos humanos, inclusive os Princípios Orientadores para Empresas e Direitos Humanos da ONU. Conduzimos também uma avaliação de gaps em direitos humanos para determinarmos como as nossas práticas de compras podem afetar as questões de direitos humanos na nossa rede de fornecimento e, se necessário, como possíveis problemas serão tratados.

Com base nesse trabalho essencial, estamos agora conduzindo um processo de due diligence em direitos humanos na nossa rede de fornecimento, inclusive nas nossas práticas de sourcing e de compras. Temos um processo de auditoria rigoroso e mantemos uma abordagem de tolerância zero a problemas graves nas unidades de produção de nossos fornecedores.

Estamos envolvidos em um projeto-piloto para entender as etapas necessárias ao desenvolvimento de uma abordagem sustentável e escalável a fim de reduzir horas de trabalho excessivas, e ao mesmo tempo manter salários decentes para os trabalhadores. Os fornecedores receberam uma solicitação para analisar as práticas dentro das fábricas que pudessem levar a horas de trabalho excessivas, e a C&A usou o questionário de práticas de compras da ACT (Action, Collaboration, Transformation) para entender como as nossas compras poderiam exacerbar ou amenizar o problema. Até o momento, todas as fábricas-piloto em Bangladesh, com exceção de uma, tiveram uma redução significativa nas horas de trabalho e mantiveram essa conquista. Na China, a fábrica-piloto levou mais tempo para reduzir o excesso de horas de trabalho, mas conseguiu isso gradualmente e manteve a diminuição ao longo do tempo.

Também continuamos nosso trabalho em práticas de compras. Em 2018, adotamos o compromisso de Práticas de Compras Globais da ACT e estamos trabalhando em um plano de implementação com prazo determinado que inclua um mecanismo de monitoramento e prestação de contas.

Leia mais sobre os nossos esforços para reduzir as horas de trabalho excessivas

Indo além do marketing responsável

A C&A se comunica com vários tipos diferentes de pessoas em todo o mundo. Queremos criar produtos dos quais todos possam gostar, independentemente de idade ou tamanho, e reconhecemos que essa aspiração precisa ser refletida nas nossas campanhas publicitárias e na escolha de modelos. O nosso objetivo é compartilhar os nossos valores e a nossa atitude positiva perante a vida por meio das nossas campanhas publicitárias. Então, quando desenvolvermos novas campanhas publicitárias, continuaremos a evitar conteúdos que possam ser vistos como discriminatórios, difamatórios ou nocivos. Aplicamos o mesmo rigor ao cumprimento das leis e diretrizes das associações nacionais de publicitários.

Além do nosso dever de fazer publicidade de forma responsável, estamos conversando ativamente com clientes sobre sustentabilidade, com o lançamento da nossa campanha #WearTheChange em 2018, que abrange todas as nossas atividades de sustentabilidade voltadas para nosso cliente.

Leia mais sobre a campanha #WearTheChange